08 Maio 2012
Liberty Seguros distingue novos talentos da expressão artística portuguesa
Os vencedores do XVII Concurso/Exposição “Galeria Aberta 2011”, iniciativa realizada pela Câmara Municipal de Beja com o apoio da Liberty Seguros, foram hoje conhecidos numa cerimónia que contou com a presença do presidente da Câmara Municipal de Beja, Jorge Pulido Valente, e do presidente & CEO da Liberty Seguros, José António de Sousa, os autores premiados, André Lança, Susana Monteiro e Carlos Ribeiro, e alguns convidados. O evento teve lugar no Salão Nobre da Câmara Municipal de Beja.

Através desta iniciativa, a Câmara Municipal de Beja pretende promover a atividade artística e o desenvolvimento de novas formas expressivas, contribuindo para o enriquecimento cultural da região e, também, para a divulgação de novos talentos artísticos.

Nesta XVII edição, a iniciativa contou com o apoio Liberty Seguros como entidade promotora deste projeto e responsável pela atribuição do prémio monetário aos três artistas vencedores. Durante o seu processo de avaliação, as obras premiadas estiveram em exposição na Câmara Municipal de Beja.

André Lança, autor da obra Interior com Corpo 2, foi o grande vencedor, tendo recebido o primeiro prémio do Concurso/Exposição “Galeria Aberta 2011”, no valor de 1.600 euros. A pintura premiada data de 2007 e, conforme explica o autor, “foi concebida ainda num ambiente escolar, e embora não tendo por hábito pintar em acrílico, achei interessante colocá-la nesta prova, pois faz parte do meu percurso”.  

O segundo prémio, no valor monetário de 800 euros, foi atribuído a Susana Monteiro com a obra Prometeu, na qual foi utilizada as técnicas de fotografia, fotomontagem, desenho a acrílico, lápis e pastel sobre cartão. A autora explica que a imagem representa “um homem contemporâneo, resignado, torturado para sempre, tal como o Prometeu mitológico. No entanto, este não está agrilhoado e, na verdade, não resiste ainda assim à sua tortura. As ratazanas escarnecem da sua apatia e da sua fatalidade”.

Carlos Ribeiro foi o galardoado com o terceiro prémio, no valor de 400 euros. A sua obra pn005 faz parte de uma série, desenvolvida ao longo de cerca de oito anos, que se intitula "Mondrian em amena cavaqueira com Schwiters e Malevitch sob o olhar beneplácito de Marcel Duchamp". Durante este período, o autor foi recolhendo determinados materiais que encontrava na rua e que fazem parte do quotidiano, dando origem a uma obra final. Para o autor, “este é, num certo sentido, um trabalho de dimensão etnográfica em que as obras produzidas, através dos elementos que as compõem, transportam os vestígios deixados pelas pessoas”.

Conhecedor do que melhor se faz em artes plásticas em Portugal e no mundo, o presidente & CEO da Liberty Seguros, José António de Sousa, salienta que “o apoio a esta iniciativa partiu de uma notícia a que a Liberty Seguros teve acesso e onde era dado a conhecer que a Câmara Municipal de Beja não estava em posição de honrar o seu compromisso de atribuir o prémio aos respetivos vencedores deste concurso. Neste sentido, e no âmbito da nossa política de Responsabilidade Social e de apoio ao desenvolvimento da cultura em Portugal, decidimos patrocinar a atribuição destes prémios aos três vencedores como forma, por um lado, de ajudar a Câmara Municipal de Beja na concretização deste projeto, e por outro, de garantir aos próprios artistas o seu mérito pelas excelentes obras aqui apresentadas. Para a Liberty Seguros, o apoio a iniciativas desta natureza é uma forma de dar a conhecer talentos artísticos existentes em Portugal, que devem valorizados e devidamente reconhecidos”.

Na ocasião, o presidente da Câmara Municipal de Beja, Jorge Pulido Valente, agradeceu o apoio dado pela Liberty Seguros a este projeto, referindo que “é muito importante este apoio do ponto de vista do mecenato cultural para a atividade municipal. Foi uma exposição muito importante e com trabalhos verdadeiramente interessantes sob o ponto da criatividade artística. Sabemos que os tempos que correm são difíceis e a proatividade que a Liberty Seguros demonstrou em apoiar este projeto  foi muito importante e qual desde já todos agradecemos. Esperamos num futuro próximo estreitar novas relações que visem divulgar e promover a expressão artística e cultural”.