07 Novembro 2016
Recorde Solidário Liberty Seguros foi batido na Maratona do Porto
O desafio Record Solidário Liberty Seguros foi ultrapassado neste domingo na 13.ª edição da Maratona do Porto pela atleta queniana Loice Kiptoo, em 2:29.13 horas, que superou o recorde absoluto da prova na categoria feminina, recebendo um prémio solidário em partes iguais para a atleta e para o Grupo de Estudos de Cancro da Cabeça e Pescoço (GECCP).

“Muitos Parabéns à Loice Kiptoo que somou à conquista do primeiro lugar o facto de ter batido o recorde da prova e permitiu este sonho ser real. Muito obrigada à Liberty Seguros que premiou a atleta e o GECCP com o Projeto Record Solidário! Fica a promessa de que este dinheiro será muito bem empregue para a investigação em prol dos doentes com cancro de cabeça e pescoço”, afirma Ana Castro, presidente do GECCP.

Rodrigo Esteves, diretor de Marketing da Liberty Seguros, explica que “a iniciativa “Recorde Solidário Liberty Seguros na Maratona do Porto” é mais um exemplo dos valores da Liberty Seguros a serem postos em prática pois, além de premiar o esforço e conquista do atleta em prova, reveste-se do importante cariz solidário de ajudar causas sociais como é a do GECCP. Esperamos que este apoio possa ajudar a salvar vidas pela continuação do extraordinário trabalho do Grupo em alertar a população sobre a necessidade do rastreio nesta doença, através de um diagnóstico precoce, e contribuir para a divulgação do máximo de informação possível.”

A 13.ª Maratona do Porto decorreu no dia 6 de novembro nas cidades do Porto, Matosinhos e Vila Nova de Gaia, juntando atletas de 56 países, dos cinco continentes. Além da maratona com 42,195 km, o evento contou ainda com duas outras provas, a Family Race com 15 km e a Fun Race com 6 km, juntando no total cerca de 15 mil corredores.